Cientistas podem ter encontrado o gene da obesidade

Cientistas podem ter encontrado o gene da obesidadeDe acordo com o novo estudo da Universidade British Columbia, no Canadá, um gene – encontrado em todas as partes do corpo – quando codificado com uma proteína chamada 14-3-3 zeta, pode ser o grande responsável pelo desenvolvimento de gordura no corpo e, consequentemente, pela obesidade. A pesquisa ainda está em sua fase inicial, mas os primeiros resultados são animadores.

O teste, realizado em ratos mostrou que quando os cientistas bloquearam a proteína presente dentro do gene, houve uma redução de 50 % no percentual de gordura branca, que é a gordura associada não só a obesidade, mas também a diabetes e doenças cardíacas. Os pesquisadores acreditam que o corte do gene – com ajuda de remédios – poderia evitar o acúmulo de gordura em pessoas com sobrepeso ou já na fase de obesidade.

“Até agora, nós não sabíamos como este gene estava relacionado à obesidade, mas o estudo mostra que a pesquisa na área é fundamental para lidar com os principais problemas de saúde e abrir novos caminhos na descoberta de remédios”, afirma James Johnson, professor de ciência celular e fisiológica da universidade.

Para os pesquisadores, a desvantagem seria a acomodação das pessoas em relação ao exercício físico e alimentação saudável, uma vez que o tratamento com remédio seria uma solução rápida. Independentemente disso, os benefícios potenciais superam os negativos.

Fonte: M de Mulher

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *