Doenças oculares podem ser hereditárias

doenças ocularem pordem ser hereditáriasAs ametropias, glaucoma e ceratocone são as doenças oculares que os oftalmologistas mais atendem nos consultórios. De causa genética, elas também podem ser hereditárias. Todas demandam um cuidado específico e acompanhamento com profissional.

Thalles Henrique é um jovem de 24 anos, que há sete convive com ceratocone. “Foi um ‘presente herdado’ da minha mãe. No início era bem complicado, pois eu não era acostumado a usar óculos e depois dos 3 primeiros anos precisei aderir as lentes RGP e esse foi o meu maior desafio, devido ao grande desconforto que elas causam”, conta.

O ceratocone é uma doença que atinge a córnea, ainda de causa desconhecida. Ela provoca deformidades e altera a curvatura dessa estrutura. O oftalmologista Cláudio Picosse explica que hoje existem tratamentos que conseguem estabilizar a doença em casos inicias e nos casos avançados a única alternativa consiste no transplante de córnea, podendo o paciente restabelecer por completo a sua visão.

Considerado uma das principais causas de cegueira irreversível, o glaucoma é uma doença do nervo óptico em que o principal fator de risco é o aumento da pressão intraocular. “A doença é grave e por ser assintomática, na maioria das vezes o diagnóstico tardio acaba atrasando o tratamento, que consiste no uso de colírios hipotensores. Por isso a importância do exame de rotina anual”, comenta Cláudio.

Define-se ametropia o conjunto das doenças de tratamentos mais simples e acessíveis, que são a miopia, astigmatismo e hipermetropia. Estão relacionadas à baixa visão e sintomas como dores de cabeça e cansaço visual. Elas são tratadas fazendo uso de óculos, lentes de contato ou cirurgia refrativa.

Segundo a Organização Mundial da Saúde, cerca de 60% das cegueiras são evitáveis. Ter a consciência de que é importante realizar consultas regulares ao oftalmologista e coloca-las em prática contribui para a saúde ocular e previne uma série de complicações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *