Família de homem morto está a espera de um médico legista para liberação do corpo

Imagem: reprodução TV Vitoriosa/Max Germano

Imagem: reprodução TV Vitoriosa/Max Germano

O corpo de homem encontrado morto na manhã de quarta-feira, 25, no Bairro São Gabriel, foi levado para o necrotério do cemitério Bom Pastor e a família reclama da falta de médico legista para liberação. Segundo informações, Elias Ailton Vieira Lima teve morte natural, há aproximadamente cinco dias.

José Viera Lima, irmão de Elias disse que o necrotério afirmou que nesta quinta-feira (26), o corpo, que já está em estado de decomposição, seria liberado para o sepultamento, mas não foram informados quanto ao horário.

A família alega que o corpo estava jogado de qualquer jeito e pede uma posição.

Com informações de Léo Soares

3 respostas a Família de homem morto está a espera de um médico legista para liberação do corpo

  1. povo disse:

    o cara foi encontrado apos 5 dias morto ,nao tem 5 que ele esta no medico pos foi na manha desta quarta feira 25/02 que achamos ele morto sozinho na sua casa em estado de decomposição avançado .

  2. povo disse:

    Pode não ter cinco dias que ele está no médico,mas se ele fosse seu parente acredito que não queria o ver assim e ele era um ser humano que pode estar morto mas acho que ele ainda tem dignidade e ele não é um bicho qualquer ele era um ser humano um ser racional que assim como todos os outros merece respeito e já pensou na situação dos irmaos sobrinhos e vizinhos e amigos que pensavam que ele havia ido visitar seu irmão que mora em uma roca assim como familiares disseram e que não apareceu nessa reportagem e descobrem que seu irmão,amigo,tio,vizinho está morto a cinco dias em sua casa em estado de putrefação e além deste chock emocional eles ainda tem que sofrer por causa de falta de legista para analisar o corpo. Acho isso um absurdo e quem tiver sentimentos e se colocar no ligar desta família concordaria comigo. E descidi fazer este comentário por causa do comentário citado acima

  3. povo disse:

    so pra ressaltar o mesmo falecido conhecia a varia anos , via ele todo os dias nao estou jugando o descaso com ele , mais sim falta de informações que a reportagem traz fique muito triste com a morte pois estava mais perto dele que muitos parentes que ele tinha .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *