Polícia Ambiental flagra abate clandestino próximo à Patos de Minas

abate clandestinoA Polícia Militar do Meio Ambiente flagrou no fim da tarde da última quinta-feira, 29 de maio, um abatedouro de bovinos e suínos clandestino. O homem que fazia o abate dos animais afirmou que a prática é comum na região.

A abatedouro fica entre os distritos de Major Porto e Quintinos, próximo ao município de Patos de Minas. Fiscais da Vigilância Sanitária constataram que o abatedouro clandestino era antigo devido à grande quantidade e ao estado dos ossos encontrados em uma vala próxima ao local.

Eliane de Souza, médica veterinária, destacou que o consumo da carne sem procedência é perigoso devido ao risco das doenças transmitidas por esses animais. Toda carne encontrada no local foi considerada imprópria pro consumo e será descartada em local adequado.

O homem flagrado no local, de 53 anos, confirmou que o abate clandestino era destinado ao seu comércio local, pois os frigoríficos não entregam carne na zona rural. E afirmou que desconhecia as exigências do descarte dos ossos e restos dos animais. Ele foi encaminhado à delegacia e responderá por abate clandestino e por crime ambiental.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *