Programa Bom Ambiente reforça atuação no combate ao ruído

Com o objetivo de fazer um trabalho de conscientização junto aos motoristas de Uberlândia, na comemoração do Dia Internacional de Conscientização sobre o Ruído o programa Bom Ambiente promove blitz educativa especial nesta quarta-feira (30), das 9h às 10h30, na Praça Tubal Vilela.

Durante a blitz, que tem a participação das secretarias de Meio Ambiente e Trânsito e Transportes (Settran), Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Serviço de Atenção à Saúde Auditiva do Setor de Fonoaudiologia da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), será entregue aos motoristas material informativo com dados sobre o impacto do ruído na vida das pessoas.

O Programa Bom Ambiente, criado a partir de 2013, tem o apoio do Tribanco e é gerenciado por um Comitê Gestor formado por diversos órgãos, um deles o Serviço de Atenção à Saúde Auditiva da UFU, que tem preocupação crescente em relação à saúde auditiva da população uberlandense. Segundo a fonoaudióloga Lucila de França Martins Oliveira, hoje há cerca de 8 mil pessoas em Uberlândia adaptadas com aparelho auditivo no serviço. O médico otorrinolaringologista Cleber de Freitas alerta que além da queixa de perda auditiva, o indivíduo pode apresentar zumbido, insônia, alteração da pressão arterial, alterações gastrointestinais como consequências do estresse causado pelo excesso de exposição ao ruído, e nestes casos deve procurar um médico especialista.

O secretário de Meio Ambiente, Hélio Mendes, lembra que os problemas auditivos não são provocados apenas por som alto. Em média, a UFU disponibiliza 200 aparelhos de surdez por mês. Parte desse atendimento é atribuída à cultura dos jovens que se utilizam de foninho de ouvido por longos períodos e com volume acima do adequado. “Buscar a sensibilização das pessoas para mudarem alguns costumes é o grande desafio para uma melhor qualidade de vida de todos”, diz Mendes.

Comitê Gestor

Comitê Gestor do Programa “Bom Ambiente” têm a finalidade de sensibilizar e conscientizar a população para minimizar problemas de ruído e mau cheiro na cidade. Na primeira reunião deste ano, em fevereiro, foram abordados temas como o calendário anual das blitz educativas e a definição das ações que serão implantadas durante todo ano.

A fiscalização na cidade é diária e ocorre das 06h às 22h e aos fins de semana, em período integral. O serviço é realizado pela Secretaria de Meio Ambiente, Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes e Polícia Militar. A população pode fazer a denúncia pelo telefone 0800 940 1133, que é valido tanto para problemas com mau cheiro como o barulho excessivo. A Prefeitura dispõe ainda do telefone do SIM – Serviço de Informação Municipal, 3239-2800 e também o “fale conosco” no Portal da Prefeitura: endereço www.uberladia.mg.gov.br.

As reuniões do comitê são a cada dois meses ou sempre que houver necessidade para propostas de ações e avaliação dos resultados. As ações serão implementadas de acordo com as estatísticas levantadas, e no primeiro momento são de caráter educativo. Caso seja necessário, as ações serão punitivas de acordo com a legislação.

Serviço:
O quê: Blitz educativa – Dia de Conscientização sobre o Ruído
Quando: 30 de abril
Onde: Praça Tubal Vilela – Avenida Floriano Peixoto
Horário: das 9h às 10h30

Prefeitura de Uberlândia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *