Preço de imóveis para locação se mantém estáveis em Uberlândia

A variação do Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M), usado como base no reajuste dos contratos de aluguel em vigor ficou menor em 2013 – 5,53% do que em 2012 – 7,81% . Isto indica que a variação do valor dos aluguéis para os imóveis locados, foi mais benéfica aos inquilinos.  Em função do crescimento excessivo no valor dos imóveis nos últimos 4 anos a previsão é de que os preços das locações novas se mantenham estáveis em 2014.

Para o empresário e especialista no setor imobiliário, Cícero Heraldo Novaes, que também compõe o quadro de diretores da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), nos últimos quatro anos, Uberlândia passou por um crescimento muito grande no setor de construção civil e consequentemente no setor imobiliário.  Este fator influenciou a ação de muitos investidores e por isso, aumentou o volume de imóveis disponíveis para locação.

Por ter um sistema de administração mais seguro e profissional, que analisa e prevê o menor índice de inadimplência, o empresário conta que muitos investidores optam por disponibilizarem para locação em imobiliárias seus imóveis. “Quem investe em imóveis com o objetivo de valorização em longo prazo e vê como fonte de geração de renda a locação da propriedade até que decida vender, isso quando vendem, sempre fazem um bom negócio. Como utilizamos contratos com cláusulas de proteção à propriedade e vistorias bem estruturadas, a conservação da propriedade fica garantida e o proprietário sente segurança, pois ele não deixará de obter lucro e também não terá seu imóvel danificado”, ressalta.

O fato é que com um volume significativo de imóveis disponíveis para locação, os preços dos alugueis tendem a se manter estáveis e sujeitos a negociação, retratando o momento da economia brasileira. “Neste mercado se aplica a lei da oferta e da procura. Geralmente, quanto maior a oferta, menor o preço e, Uberlândia, possui uma oferta atual maior que a procura”, frisa, explicando ainda que os valores podem variar conforme a localização do imóvel.

Novaes conta que outro fator que mantém os preços dos imóveis para locação estáveis é o fato de que no Brasil, as taxas nos últimos anos têm subido regularmente acima da inflação. De acordo com o especialista, tudo é questão de negociação e análise. “Não há uma regra geral que defina a média de preços, na cidade, as áreas mais centralizadas e mais comerciais são um pouco mais caras, assim como as residenciais e nos bairros tem um valor mais acessível. No entanto, o Brasil é uma caixa de surpresas, estamos em um ano em que somos sede da Copa do Mundo e todas as nossas realidades, considerando os fatores econômicos e políticos, podem mudar de uma hora para outra”, aponta.

Novaes explica também que, nos casos de imóveis já locados, por lei só podem ocorrer um reajuste indexado por ano, porém, no caso de se sentirem prejudicados, ambas as partes – locador e locatário – podem a cada 3 anos solicitar reavaliação do valor de contrato. Quanto a investir em imóveis para a venda ou locação no Brasil, ele ressalta que ainda não existe nada mais seguro e apesar da liquidez não ser grande na hora de comercializar o bem, o lucro é muito interessante e se compara a outras boas aplicações, se analisado a longo prazo.

Serifa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *