Preso casal que teria matado andarilho a pancadas em São Gotardo

Lilia Maria, e seu companheiro Edemir Rafael dos Santos, conhecido como “Abacate”, foram presos pelo homicídio

A Polícia Militar prendeu um casal suspeito de ter matado um andarilho a pancadas, na cidade de São Gotardo-MG. O crime aconteceu no início da tarde dessa quarta-feira (24). Os suspeitos teriam agredido a vítima com pancadas e batendo sua cabeça contra o solo, o que teria provocado a morte. Edemir Rafael dos Santos, conhecido como “Abacate”, e sua companheira, Lilia Maria, seriam os autores, segundo a PM.

De acordo com informações da Polícia, os motivos do crime ainda estão ignorados. A vítima, um andarilho ainda não identificado, teria sido espancada pelos autores que arremessaram sua cabeça contra o solo. A violência causou-lhe ferimentos graves e a vítima, que chegou a ser socorrida, morreu no pronto socorro da cidade.

Após o crime, com informações de testemunhas, os policiais iniciaram os rastreamentos e conseguiram chegar até os autores. Edemir e Lilia estavam na casa de amigos perto da residência deles. O casal foi preso em flagrante pelo crime e conduzido até a delegacia do município. Os proprietários da casa também foram presos por terem favorecido os autores.

Investigações devem ser feitas pela Polícia Civil para identificarem a vítima e descobrir os motivos que levaram à agressão. O corpo foi trazido para o Instituto Médico Legal de Patos de Minas para ser analisado. Os vários hematomas na cabeça do homem que aparenta ter 45 anos podem ter sido a causa da morte.

Farley Rocha/Patos Hoje

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *