Pedreiro com fraturas nos joelhos aguarda transferência para o HC

homem uaiFoi no Pronto Atendimento da UAI Tibery que Rogério Tavares de Oliveira, de 40 anos, deu entrada no dia 19 de novembro. O pedreiro sofreu uma queda de mais de cinco metros de altura, na obra em que ele trabalha. Quebrou a perna na altura do fêmur e os dois joelhos. Lesões para as quais o Ronaldo precisa de cirurgia. Só que a transferência do paciente para um hospital, não acontece. A irmã do Rogério, Marcí Lúcia Tavares diz que além da demora, até determinados medicamentos a família está tendo que comprar.

Marcí gravou um vídeo com o irmão falando sobre os dias de espera num leito da UAI Tibery.

Por Carlos Vilela

 

3 respostas a Pedreiro com fraturas nos joelhos aguarda transferência para o HC

  1. Marci Lucia Tavares disse:

    É um absurdo o que estão fazendo com meu irmão, revolta…

  2. Leonardo disse:

    Complicado a questão da gestão de saúde da cidade. Mas me conte aqui, por que ele estava sem o cinto paraquedista que evitaria a queda dele?

  3. Marci Lúcia Tavares De Oliveira disse:

    Ele usava sim todo o equipamento adequado, no momento da queda: caiu com equipamento e tudo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *