Operação Piracema começa com apreensões e prisão

Material de pescaA Operação Piracema, da Polícia Militar  de Meio Ambiente (PMA) já começou com uma prisão e apreensões de pescados e materiais de pesca proibidos neste período.

Militares da PMA apreenderam em Tupaciguara, na represa de Furnas seis redes de pesca em nylon duro, além de apetrechos de pesca de uso proibido durante o período da piracema. O material foi encaminhado ao Instituto Estadual de Florestas (IEF).

Material de pesca 2Em outra ocorrência no Dia de Finados, em Uberaba, um homem de 58 anos foi preso no rio Uberaba no domingo, 1º de novembro, com quase 5 kg de pescados das espécies corimba, curvina, pacu, piranha e tilápia. Ele utilizava 22 redes e uma embarcação com motor, que foram apreendidos.

O pescador responderá por crime de pesca com uso de técnicas e métodos não permitidos durante o período. A pena prevista para o crime é de um a três anos de detenção e multa de aproximadamente R$ 1 mil.

A fiscalização no Triângulo Mineiro continua até o dia 28 de fevereiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *