Bandidos são flagrados tentando arrombar caixa eletrônico em Patos de Minas

bandidos flagrados tentam arrombar caixa em patos de minasA Polícia Militar de Patos de Minas agiu rapidamente e impediu um arrombamento a uma agencia bancária no centro de Patos de Minas. O crime aconteceu na madrugada deste sábado (11) e os bandidos foram detidos ainda no interior do banco. Os três suspeitos estavam com ferramentas para destruir os caixas eletrônicos.

Segundo informações preliminares da Polícia Militar, os três envolvidos são de Brasília (DF), de Uberaba (MG) e o outro do estado de Santa Catarina. Através do sistema de vídeo monitorado, os policiais foram alertados que dois suspeitos haviam entrado na agência bancária, situada na Rua Major Gote, no centro de Patos de Minas. Eles deixaram o veículo estacionado na Rua José Reis, próximo ao Hospital Regional Antônio Dias, e foram até o banco. Um deles pulou o muro e o outro entrou pela porta da frente do banco.

Os militares foram acionados e rapidamente foram até o banco. Os criminosos foram presos dentro da agência bancária. A perícia da Polícia Civil esteve no local para auxiliar nas investigações. A suspeita é que o trio faça parte de uma quadrilha especializada em arrombamentos a agencias bancárias. No fim de semana anterior, as agencias do mesmo banco em Patrocínio e Coromandel foram vítimas deste tipo de crime. Os bandidos levaram mais de um milhão de reais nestas ações. Os policiais agora investigam se o trio preso em Patos de Minas tem ligação com estes crimes.

A suspeita da Polícia Militar é que estes três criminosos são responsáveis por danificar o sistema de segurança do banco. Na madrugada posterior, outros membros da quadrilha entravam no banco com maçaricos para arrombar o cofre do banco. Os policiais apreenderam diversas chaves de fenda, chave inglesa e outros materiais usados no crime.

No carro do suspeito com placas de Itajaí (SC) havia outras ferramentas e roupas usadas pelos bandidos. Os três suspeitos foram levados para a delegacia da Polícia Civil de Patos de Minas. Apesar de terem apresentados documentos falsos, os policiais identificaram os suspeitos como Eduardo da Silva Rodrigues, de 24 anos, Marcelo Henrique Alves Júnior, de 25 anos, e Atila Henrique Sirino, de 30 anos.

Patos Agora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *