Com a diminuição das chuvas, municípios mineiros estão em situação de emergência

Imagem: reprodução TV Vitoriosa/Maurício Florentino

Imagem: reprodução TV Vitoriosa/Maurício Florentino

Em plena estação chuvosa, 102 municípios mineiros estão em situação de emergência e mais da metade dos reservatórios de Minas Gerais, monitorados pela Agência Nacional das Águas (ANA) está com volume abaixo de 50%.

Segundo o diretor do Departamento Municipal de Água e Esgoto (DMAE), a população de Uberlândia diminuiu em 15% o consumo médio, aumentando a preocupação com a economia de água. Até agora, em 2015, há um déficit de 50 milímetros no período chuvoso.  Houve aproximadamente 60 milímetros em janeiro, um dos meses historicamente mais chuvosos da cidade.

Segundo o gerente geral do Consórcio Capim Branco de Energia, Luís Fernando, em 2015 não deve haver crise energética no país, mas a conta de energia certamente ficará mais cara, reflexo do crescimento do uso de termelétricas para compensar as baixas nas represas das hidrelétricas.

O reservatório da hidrelétrica da cidade de Nova Ponte, uma das principais da região que chegou a 9% no ano passado, agora está em aproximadamente 12%. Se comparada ao início de 2014, a conta de energia em todo o país deve ficar mais de 25% mais cara.

Thaís Zago com informações de Vinícius Lemos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *