Cresce procura por gravidez por fertilização in vitro

Cresce procura por gravidez in vitroO número de pessoas que procuram clínicas especializadas em reprodução assistida vem aumentando no Brasil. Estima-se que, pelo menos, 15% dos casais tenham alguma dificuldade para ter filhos. Por isso, muitos procuram ajuda especializada, como reprodução assistida e fertilização in vitro.

Como é o caso da arquiteta Gláucia Navarro, que após cinco anos tentando engravidar, chega aos 40 anos de idade com uma gravidez possibilitada por este tipo de tratamento. Segundo os médicos, ela sofre de infertilidade sem causa aparente.

Túlio Marcolini, o ginecologista que a atendeu, explica como é o processo até a fertilização. “A primeira etapa é verificar se o casal não tem nenhuma doença que possa ser transmitida ao embrião. Em segundo, começamos o estímulo ovariano, para conseguir coletar o maior número de óvulos. Após coletados, pega-se sêmen e faz-se a inseminação”.

Ainda de acordo com o ginecologista, em mulheres de 35 anos são transferidos dois embriões e, em mulheres acima de 40 anos, podem ser transferidos três ou quatro, de forma a se evitar gravidez múltipla.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *