Cabo apresenta denúncias contra comando da PM em Uberlândia

 

O objetivo era obter esclarecimentos sobre denúncias feitas pelo cabo PM Silvano David Ribeiro

Abusos de comandos militares contra policiais, cerceamento de advogados a processos administrativos, assédio moral, perseguição e pressão sobre profissionais. Essas foram às principais denúncias apresentadas nesta quarta-feira (22) na audiência pública realizada pela Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa de Minas Gerais. O objetivo era obter esclarecimentos sobre denúncias feitas pelo cabo PM Silvano David Ribeiro, de Uberlândia (Triângulo Mineiro). As acusações foram negadas pelo comandante do 17º Batalhão da Polícia Militar (PM) em Uberlândia, tenente-coronel Wesley Barbosa.

De acordo com o cabo Silvano Ribeiro, ele estaria sendo perseguido há sete anos, desde que processou o comandante da 9ª Região da PM, coronel Dilmar Crovato, que teria dito na imprensa que o cabo estava envolvido em crime. Na época, Silvano Ribeiro havia sido expulso da corporação sob suspeita de fraude em concurso. Este ano, o processo foi extinto e ele retornou às funções.

Fonte: ALMG

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *